São onze horas, falta apenas uma hora para o seu horário de almoço. Você percebe, na mesa do seu escritório, um objeto amarelo com vermelho e automaticamente lembra do McDonald’s. “Nossa! Estou com tanta fome que até lembrei de um BigMac!”. A função do Branding (ou gestão de marcas) é exatamente essa: fazer as pessoas terem em mente a construção de uma marca através de percepções e sensações, pois essas são cruciais no momento de decisão de compra do cliente.

Mas você já se perguntou o que faz uma marca ser mais lembrada do que outra? Neste texto, você vai entender o porquê de certos destaques e por que você não pode deixar de inserir a gestão de marcas em sua estratégia de marketing.

Sua marca não é feita de um componente único

São vários os elementos e atributos que definem uma marca, e através deles, diversas associações são feitas pelos clientes. Uma marca é composta por valores visuais e não visuais que devem ficar guardados na mente e no coração dos consumidores.

Valores visuais:

1) Nome
2) Logotipo
3) Imagens
4) Cores
5) Fontes
6) Símbolos

Valores não visuais:

1) Ideias
2) Discurso
3) Posicionamento
4) Pessoas que irão representar
5) Princípios

Esses e tantos outros componentes devem provocar sensações e lembranças aos seus clientes através de uma boa estratégia de marketing e gestão de marca. Não basta apenas cuidar do valor do produto, mas de tudo o que compõe a identidade de uma marca.

Gestão de marcas na era digital

A internet proporcionou diversas possibilidades para a atuação do Branding. Com um menor custo, o ambiente digital propicia que as marcas estejam cada vez mais expostas, tenham maior interação com o público e se adequem a canais diferentes para criar conexões necessárias com os clientes.

No entanto, o ambiente online é altamente competitivo, logo, sua marca precisa ter vários diferenciais para ser conhecida, acompanhada e ter a fidelidade dos consumidores. O artigo Seu negócio precisa dessas 5 dicas para ter sucesso na era digital pode ser bem útil para você nessa questão.

E não esqueça:

• Defina, através de estratégias de marketing, o que diferencia sua empresa das demais concorrentes;

• Lembre-se que não se trata apenas do que é visto, mas das sensações trazidas pelo que é visto, ouvido, sentido, provado e tudo o que compõe sua marca.


Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.